Home >> Tatuagem é Pecado?

Tatuagem é Pecado?

quarta-feira, setembro 14th, 2016 | admin_shmusic | Jesus Cristo

O cristianismo não é teórico especulativo, mas prático. Jesus não nos ensinou a apenas “ver” o mundo de maneira diferente, mas a “viver” no mundo de maneira diferente. Não basta saber, é preciso viver. Vamos analisar a questão; “Crente pode fazer tatuagem?”.

Neste artigo vamos a maneira de vivermos nesse mundo, e no final dele você verá que não se trata apenas de uma nova concepção, mas de uma nova postura. Não é apenas um novo ponto de vista, mas uma nova forma de vida.

Verifique cada item, pois não vamos falar apenas de tatuagem, mas de um novo estilo de vida, para você e sua família, plano esse moldado pelo Cristo nosso Redentor.

tatuagem-e-pecado

Transforme seu mundo Sem Tatuagem!

Ser cristão e não fazer a diferença é como ser sal e não salgar, como ser luz e se esconder debaixo da mesa, diria Jesus!  “É dever cristão pensar e mudar a realidade, reabrir a história e devolver a esperança, a partir da Providência e da visão de uma escatologia, mas também do que, e do como de nossa inserção na história” (Cavalcanti, 2006).

Por ora, importa entender que pensar para a transformação é objetivo cristão. Não podemos nos conformar com o presente estado das coisas (Rm 12:2)

Em nossas limitações, talvez nossa voz nunca ultrapasse os espaços de nossa igreja local, de nosso ambiente de trabalho, de nossas famílias e amigos. Aliás, é bem provável que o máximo de voz que alguns de nós teremos alcançará os arraiais de nossa denominação. A não ser que Deus tenha para você alguns planos que hoje são desconhecidos, nosso alcance não será tão grande como o de Paulo, por exemplo. Mas isso não deve nos impedir, pelo contrário, de lutar por transformações e por valores cristãos naqueles ambientes onde você está.

Jesus, a não ser na infância no Egito, não se ausentou de sua nação, pregou para multidões, mas entendemos que sua dedicação de ensino concentrou-se em doze pessoas, dos quais um o traiu definitivamente. Ou não é assim a ação do sal: discreta, restrita a pequenas partes onde ele é colocado. Se sua ação influenciar alguns, esses influenciarem outros, esses outros avançarem por novas gerações, então, o que pareceu pequeno aos seus olhos pode contribuir para uma igreja melhor, uma cidade melhor, um país melhor.

Calma! Não teremos o céu na terra, sabemos disso. O mal, enquanto estivermos sob a ação do pecado, sempre estará conosco, mas nós não podemos nos conformar a ele e sermos “agentes do mal”. Somos – ou devemos ser – agentes do bem, criados para as boas obras em Cristo Jesus.

Isso implica testemunho pessoal, vida coerente com a fé que se pratica, mas implica também em amor pela humanidade, em busca de justiça social, em cuidados com o meio ambiente (ou não foi a Adão que Deus ordenou que cuidasse de toda a obra criada?).

Não importa que o fruto da oliveira minta, não importa as falcatruas de governos e empresas, importa que se nós somos de Cristo, somos agentes de um reino por vir, mas não só, é um reino que já está entre nós em atitudes e vidas que condizem com os valores do Reino dos céus. Estou sonhando? Devo estar, mas esta sempre foi à pregação e o desejo de Jesus.

E agora faço tatuagem?

Somos cidadãos do Reino dos céus! O Reino de Deus está entre nós. Ele ainda não veio em toda a sua plenitude. Gosto de Bosch, quando ele diz que o ministério de Jesus de erigir sinais do reinado incipiente de Deus foi a todo custo imitado pela igreja primitiva. Eles tentaram igualar a sua prática com a de Cristo! “Os cristãos não eram chamado a fazer mais do que erigir sinais; também não eram chamados a fazer menos” (Bosch, 2002, p.73).

Veja o conselho da palavra: “Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas;  Para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis, no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo;” (Fp 2:14).

Conclusão

Devemos ser diferentes do mundo, infelizmente a palavra de Deus não traz uma recomendação direta sobre o ato de Fazer Tatuagens, porém ela nos adverte a sermos Luz do mundo e Sal da terra.

Ser luz é iluminar pensamentos perdidos e vagarosos sem esperança em dias melhores, ser Sal; é apresentar o tempero Espiritual que Cristo tem a oferecer ao mundo.

Quando entramos na onda do mundo, e nos moldamos a ele, deixamos de lado esses mandamentos de Cristo, embora seja bonito e a intenção é boa, devemos almejar o Reino do Céu.

Vivia segundo o costume e a moda de Cristo, seja moldado nas mão do seu salvador, não ande segundo a vontade e moda do mundo, pois; “estamos neste mundo mais não pertencemos a ele”.

Espero te auxiliado você, que sua atitude seja para glória de Deus.

Para saber mais sobre a palavra de Deus Clique AQUI